sexta-feira, 31 de dezembro de 2010

Uma certeza do bem!!!

2011, assim como qualquer outro ano, não será só alegrias. O mundo não é assim e nem poderia ser! Precisamos também da dor para evoluirmos! Mas desejo que esse ano seja o momento de colher o aprendizado do ano de 2010. Mais paz espiritual, mas e sempre amor pela vida, mais e bons verdadeiros amigos, mais amor e mais família!

Que venha 2011!Que venha sempre a vida!!!

Texto e expectativa: Luciana Rodrigues

quinta-feira, 30 de dezembro de 2010

Show do A-HA em Fortaleza!

Da mesma sessão agradecimentos a 2010...

Dia 20 de março fiz uma das coisas que mais gosto de fazer: viajar!! Larguei tudo que estava fazendo em Teresina e....fui ao último show do A-ha em Fortaleza. Depois de 28 anos de carreira, pude ver a apresentação dessa banda!

Enquanto isso...

Enquanto isso... Um hotel com uma bela vista...

E depois de deixar tudo em Teresina ....A recompensa:

Textos e fotos amadoramente felizes :Luciana Rodrigues

Alguns agradecimentos ao ano de 2010

Um momento fantástico desse ano foi o SHOW Renato Piau convida Luiz Melodia que aconteceu no SALIPI (Salão do livro do Piauí). Realmente, impossível não se encantar por esse momento. Dia 06 de Junho não foi qualquer dia!

Um dos momentos marcantes....a música FADAS!



video


Luiz Melodia tem uma das vozes mais incríveis do Brasil e também do mundo.Valeu a pena esperar por esse show. Agora queremos mais!Um show só dele para nós.

Textos, filmagem e cantarolações desafinadas ao fundo: Luciana Rodrigues

sábado, 25 de dezembro de 2010

Então,é natal!?

Antes de ler o texto,algumas observações:
Sei que no dia 25 postar um texto que não fale só de alegrias, coisas bonitas e blá, blá, blás é ir contra quase todo mundo. Mas aí vai algumas reflexões. Mesmo que elas não agradem a consciência de todos.



Natal é uma época boa!Boa!Para quem?Boa para o comércio, para o sorriso dos vendedores, para a publicidade que precisa renovar os apelos comerciais. Mas essa época não é uma visão de alegria unânime. Não é, e ,dificilmente será, igual para todos.
A simbologia do natal é bíblica e representa o nascimento de Jesus, a esperança de um ser humano melhor a partir do exemplo do Cristo. Já no seu início, os presentes como incenso, ouro e mirra fizeram parte das festividades do surgimento da vida sagrada. Vida e presente são sinônimos? De  fato, até hoje, continuam nascendo crianças e continuam surgindo presentes em caixinhas recheadas de boas intenções. Nada contra, apenas uma constatação social.

Hoje, o 25 de dezembro é menos lembrado por nessa data ter nascido Jesus e sempre lembrado em relação  às compras. Mesmo quem não segue a tradição da gastança desenfreada sabe que o natal chegou. O comércio usa pisca-pisca nas vitrines; no trabalho acontece o chato do amigo oculto e ouvimos em todos os lugares que vamos, a partir de novembro, os versos de “Então é natal, e o que você fez?” Uma música seguida de outra, mais outra e descobrimos em qual época estamos.
Natal também é época de aumento da mendicância e ,um dia desses, vi na televisão que pedintes de outros estados se programavam para ir a cidades que oferecem bolsos mais cheios. Por onde andamos vemos braços estendidos pedindo uma ajuda de “peloamordedeus” Deus? Qual? O pai de Jesus? O que ele tem a ver com isso? Estamos muito ocupados nessa época e a memória é fraca e conveniente.

Há também as ceias de natal. A família reunida e parentes migrando para um reencontro. Devemos juntar a família. Não sei por que nunca gostei muito de natal. Sempre penso nos que estão só, nos que são bombardeados por um apelo de companhia irrestrita. Para os moradores de rua, para os que têm fome, para os que têm solidão de Amor. O natal é uma época triste.
Natal, para mim, sempre é um momento de introspecção. Um momento espiritual, um encontro não com o mundo, não com os shoppings. Natal é mesmo um encontro com Deus. Seja lá qual seja ele, seja lá a forma que ele assuma. Estarmos bem espiritualmente ainda é o que importa.

Textos e raiva do papai noel, assim com minúsculas mesmo: Luciana Rodrigues

segunda-feira, 13 de dezembro de 2010

E por falar em fotografia.....

Adoro circo....

Uma maquiagem e o mundo se transforma...

O choro faz o riso...

O drama faz a arte...

Fotos e criancices : Luciana Rodrigues

Documentário:Encontros com a Fotografia.

Simonetta Persichetti e mais 8 profissionais realizaram o documentário intitulado Encontros com a Fotografia.Com nome bastante sugestivo,aguça os interessados pelo registro da imagem a buscarem em livro e Dvd um ótimo  contato com 40 expoentes da fotografia .
Durante 10 anos os fotógrafos entrevistados para o documentário expuseram suas obras nas lojas da Fnac e despertaram a curiosidade do público sobre os segredos da criação de fotos incríveis.
Quem nunca teve vontade de fazer perguntas a um renomado fotógrafo?Agora,muitos deles estão acessíveis nesse projeto e a possibilidade de ouvi-los torna essa produção audiovisual tão fascinante.
A ideia de entrevistar profissionais como João Wainer,Araquém Alcantara,Cristiano Mascaro , Sebastião Salgado e tantos outros renomados fotógrafos,faz de Encontros com a Fotografia uma aula motivacional e criadora que revela estratégias de captura de imagens justamente daqueles considerados gênios dessa arte.
Sebastião Salgado nos diz como teve seu contato fascinante com sua primeira câmera e ,a partir daí,a transformação de sua vida.João Wainer fala da influência do grupo Racionais na sua descoberta da periferia.Walter Firmo dá uma aula histórica do fotojornalismo na década de 50.Só isso já motivaria o desejo por conhecer esse trabalho,mas como já falado, ao todo são 40 fotógrafos e muitas descobertas ainda aparecerão.
Para quem é um leigo na arte da fotografia e um simples admirador de belas imagens,pode imaginar que um grande fotógrafo sempre fotografou,mas por meio das entrevistas sabemos que isso não é uma verdade absoluta.Há relatos de insegurança de um fotografo que demorou 10 anos para mostrar seu trabalho,uma que trabalhou durante 15 anos como empresária e só depois descobriu o gosto pela captação de imagens.Já para outro conhecer Juazeiro foi determinante.Enfim,tudo isso serve para aproximar o espectador dessas pessoas comuns que escolheram a fotografia como arte e vida.
Encontros com a Fotografia é desses trabalhos desmistificadores.Vemos ídolos bem humanos que apenas um dia olharam pelo visor de uma câmera e enxergaram o mundo de uma maneira comum, porém artística.Ouvi-los nos aproxima,nos permite também querer.Assim nos entregamos ao sonho de sairmos errantes por ai a fora,como uma câmera na mão e um compromisso apenas com a imagem. Aqueles que preferem somente admirar boas fotografias conhecem ou revêem nomes importantes como Christian Cravo,Patrick Grosner,Maristena Colucci e tantos outros.
Nesse documentário,percorremos 40000 km de puro papo fotográfico e descobrimos que muitos desses mestres escolheram a fotografia depois de formados nas mais variadas profissões.Portanto,fotografar é menos acadêmico e mais intuitivo.Há aqueles que retratam pobreza,outros preferem o luxo e a riqueza.Muitos preferem pessoas e a expressão de seus rostos.Alguns a natureza.Não há uma explicação única para cada estilo.O certo é que cada um se encontra de um jeito.E nós,ainda pobres mortais,nos encantamos com uma escolha tão bela de achar arte em qualquer lugar,desde cantos de paredes a lixo reciclado.Há arte em tudo e ainda bem que existem pessoas como esses profissionais que passam pelo simples e o transformam no que há de mais encantador.Independente de qual seja o tema,a boa Fotografia,vale sempre a pena.
Texto e vontade de ter feito esse documentário(inveja saudável!):Luciana Rodrigues

sábado, 11 de dezembro de 2010

Carros Antigos
Tenho um verdadeiro fascínio por carros antigos! As imagens seguintes foram capturadas em um ensaio para o curso de Jornalismo! Ótimos momentos em uma oficina cheia de automóveis incríveis!!!

 Procurei captar os detalhes.Um olhar para cada pedacinho de beleza!


    A imagem do luxo e da imponência!


A beleza da cor!


Ouviria Zeca Baleiro nesse som!!


Fotos e algumas décadas de vontade na veia:Luciana Rodrigues